Março 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Pesquisar neste blog

 

Posts recentes

...

Top 5

Novidades

Amo-te

Dia dos Namorados

Arquivos

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Maio 2006

Links

Terça-feira, 9 de Janeiro de 2007

Cuide bem dos seus animais...

    

    Hoje trago para ti uma história para reflectir, espero que gostes, como eu sou muito mole até vontade de chorar me deu quando li.

     Eu adoro os meus animais, enche-os de mimos e trato-os como se fossem pessoas, como se fossem o meu melhor amigo.

“Os animais também merecem e devem ser

Respeitados e amados”

 

     Considero que os animais, apesar de não serem seres como nós, têm sentimentos e também gostem de atenção e carinho tal como todos nós. Acho que nós humanos (como seres “superiores” e racionais) devíamos proteger e cuidar dos animais e não ignora nem magoa-los, é que existem pessoas capazes de verem um gato ou um outro animal a atravessar a estrada e ainda irem de propósito direitos ele (grrr)

     Nem fazem ideia do nº de animais que são abatidos por mês, da ultima vez que fui ao veterinário com a minha cadela a veterinária estava a falar sobre isso e eu assustei-me com o valor (agora já não me lembro mas era grande) e eu vivo numa ilha, imaginem nos outros países.

     Mas também há pessoas que, por alguma razão, não podem ter animais. É claro que quem não tem possibilidades, nem as condições necessárias para ter um animal, tenha de o adoptar ou levar para casa. Eu cá se pudesse levava todos gatos e cães que vejo perdidos para casa (rss...) mas não posso levar mais porque senão o meu pai matava-me lol estava a brincar é que eu já tenho muitos e não tenho possibilidades de levar mais nenhum.

    Aqui vai a história...

O cachorrinho


Diante de uma montra atractiva, um menino perguntou o preço dos filhotes à venda.
"Entre 30 e 50 dólares", respondeu o dono da loja.

O menino puxou uns trocados do bolso e disse: "Eu só tenho US$2,37, mas posso ver os filhotes?"

O dono da loja sorriu e chamou Lady,  que veio correndo, seguida de cinco bolinhas de pelo.

Um dos cachorrinhos vinha mais atrás, mancando de forma visível.

Imediatamente, o menino apontou aquele cachorrinho e perguntou: "O que é que há com ele?"

O dono da loja explicou que o veterinário o tinha examinado e descoberto que ele tinha um problema na junta do quadril, sempre mancaria e andaria devagar.

O menino se animou e disse: "Esse é o cachorrinho que eu quero comprar."

O dono da loja respondeu: "Não, você não vai querer comprar esse. Se você realmente quiser ficar com ele, eu lhe dou de presente."

O menino ficou transtornado e, olhando bem na cara do dono da loja, com o seu dedo apontado, disse:

"Eu não quero que você o dê para mim. Aquele cachorrinho vale tanto quanto qualquer um dos outros e eu vou pagar tudo. Na verdade, eu lhe dou US$2,37 agora e 50 centavos por mês, até completar o preço total."

O dono da loja contestou: "Você não pode querer realmente comprar este cachorrinho.   Ele nunca vai poder correr, pular e brincar com você e com os outros cachorrinhos."

Então, o menino abaixou-se e puxou a perna esquerda da calça para cima, mostrando a sua perna com um aparelho para andar.

Olhou bem para o dono da loja e respondeu: "Bom, eu também não corro muito bem e o cachorrinho vai precisar de alguém que entenda isso."

Autor Desconhecido

 

publicado por Mónica Silva às 13:07
link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De Bárbara a 10 de Janeiro de 2007 às 21:58
oi ...
a brigado pelo comentario no meu blog ...
vou atualizar agora e ai boto seu award e linko vc tah?
brigado pelu award ..... e aproveito e te ofereço o meu ...
seu blog esta mt lindoh
eu admiro quem tem coragem d se expressar para defender os animais
tmb sou assim
beijos e espero q nunca percamos o contato
bjuss
xauuu
De Jamile a 10 de Janeiro de 2007 às 22:06
Oi Mónica nossa como fiquei feliz em saber que vc gostou do meu blog :D!!! Eu amei o seu muito lindo bem organizado e com postes muito bom!!!! Claro que vc pode ser destaque venho aqui te avisar ta ;) ?!!! Vou te linkar!!! Sempre que der vou vir fazer uma vista!!! Bjinhos!!!
De Jamile a 11 de Janeiro de 2007 às 01:33
Oiiiii esqueci de pegar meu award rsrsrss mas é sempre bom voltar aqui!!!! Te ofereço o meu!!! Bjinhos !!!
De Bárbara a 11 de Janeiro de 2007 às 04:22
oiiiiiiii
seu blog tah mttt linduhhhh
vim t avisar q vc esta na seçao recomendo do meu blog
é comu um segundu destaki em q ficam os melhores blogs
mas a plakinah d destake esta disponivivel
parabens
bjussss
fuiiii
De Paloma a 12 de Janeiro de 2007 às 00:14
oi, obrigada pelo comentário no meu blog. Claro que eu aceito o seu award, é uma honra ter um award de um blog tão lindo!!!ah e eu vou te linkar também!!!beijos!!!
De Cátia a 12 de Janeiro de 2007 às 12:24
Olá! Adorei este texto do cãozinho! Tu és portuguesa não és? Eu tb! ;) passei aqui pra dizer que estás inscrita no destaque!
bjs
angel girl
De Andressa a 12 de Janeiro de 2007 às 19:33
helooo......
nossa q historia mais linda,
eu amOOo pets,
d tds os tipos
se pudesse , pegava tds q eu visse pela frente !!!
seu blog esta mto fofinhu......
se puder...
dá uma passadinha no meu tbm ?
bjussssssss
De Andreia a 23 de Janeiro de 2007 às 19:37
olá. não te conheço mas gostei muito do teu blog. em particular deste artigo sobre os animais. Também gosto muito deles e acho que tens toda a razão quando dizes que devem ser respeitados. tenho 2 gatinhos que adoro e acho que a nossa função é protege-los e ama-los. no percurso que faço de carro todos os dias encontro quase sempre gatinhos mortos nem imaginam como isso me faz mal. as pessoas nao respeitam os animais infelizmente. se fosse uma pessoa travavam mas como é um gato e até nem faz estragos no carro toca a passar por cima. isto é a coisa que mais me irrita. tb tenho um gatinho que foi apanhado por um carro a sorte é que so lhe apanhou de raspao e vi as coisas bem feias. ficou com uma pata partida e fui a um veterinario q nao era a minha mas teve de ser pq a minha veterinaria tava fechada akela hora e ele disse k akilo tinha de ser operado e k ninguem o fazia cá. até disse que normal/te os animais depois ficavam com pessimas condiçoes de vida pk perdiam a sua independencia e o k os donos faziam mais tarde era abate-los. sai do veterinario com as lagrimas nos olhos e disposta a ir onde fosse necessário pra operar o meu gatinho. Graças a deus depois fui à minha veterinaria com ele e ela ligou-lhe uma ligadura e teve de ficar assim uns tempos a andar so de uma perninha atrás. Felizmente ele ficou bom e embora manqueije ainda um poukinho mas quase nada é um gatinho feliz e que corre e salta como todos os outros. Infelizmente o outro veterinario nem lhe fez nada limitou-se a dizer akelas parvoices pela boca fora. Adquiri ainda mais confiança na veterinaria que trata os meus gatinhos.
Esta história é um cadinho parecida com a do meu gatinho.
Só por gostares tanto de animais como eu desejo-te toda a sorte do mundo apesar de nem te conhecer.
Beijinhos

Comentar post